[Rafael Biriba] VirtualBox: Criando e iniciando uma VM pelo terminal com o VBoxManage

virtualbox-imageJá tem algum tempo que ando brincando com o VirtualBox e um dos objetivos era automatizar a criação de novas VMs.

Durante as pesquisas e testes, descobri que criar máquinas virtuais utilizando o VBoxManage* é bastante simples.

*VBoxManage: É uma interface do virtualbox por linha de comando (terminal), onde você pode controlar totalmente suas máquinas virtuais.

Dica: Leia a documentação para conhecer todas as funções disponíveis: http://www.virtualbox.org/manual/ch08.html

Então vamos começar… No exemplo a seguir vou criar uma vm para um CentOS 5.4: (Os comandos em negrito devem ser executados no terminal)

VBoxManage createvm -name “centos54″ –register
Cria uma vm com o nome ‘centos54′ e com configurações padrões

VBoxManage modifyvm “centos54″ –ostype RedHat –memory “128″ –acpi on –boot1 dvd –nic1 bridged –bridgeadapter1 wlan0
Altera o tipo da vm para RedHat (por causa do CentOS), altera a memória para 128 MB, configura o dvd para ser o primeiro boot, e habilita uma placa de rede em modo bridge apontando para minha interface de rede wireless wlan0 (em alguns casos talvez seja eth0). Você pode habilitar mais de uma interface de rede, basta passar as configurações das placas assim: –nic1 … –nic2 … -nic3 …

VBoxManage createhd -filename “centos54.vdi” -size 6000 –remember
Cria o HD da nova vm com 6 GB de espaço

VBoxManage storagectl “centos54″ –name “IDE Controller” –add ide –controller PIIX4
Habilita o controlador IDE de disco na vm

VBoxManage storageattach “centos54″ –storagectl “IDE Controller” –port 0 –device 0 –type hdd –medium “centos54.vdi”
Adiciona o disco vdi da vm no controlador IDE e define o tipo com hard disk drive (hdd)

VBoxManage openmedium dvd /home/rafael/Desktop/CentOS-5.4-i386-bin-1of6.iso
Adiciona ao virtualbox (não na vm), o link para a imagem do disco

VBoxManage storageattach “centos54″ –storagectl “IDE Controller” –port 0 –device 1 –type dvd –medium /home/rafael/Desktop/CentOS-5.4-i386-bin-1of6.iso
Adiociona a imagem do disco para boot e instalação do sistema operacional na VM. Note que agora o device é definido como 1, pois o hd está no device 0.

Feito isso, agora estamos prontos para poder iniciar a VM:
nohup VBoxHeadless –startvm “centos54″ -p 3001
O vboxheadless responsável por iniciar a vm prende o processo ao terminal. Portanto se você fechar o terminal, o processo de start da vm morre. Para resolver isso, usamos o nohup que mantém o processo rodando mesmo que o terminal seja fechado. O vboxheadless inicia a vm e habilita o protocolo RDP (Remote Desktop Protocol) para que você possa acessar a vm. O parâmetro -p serve exatamente para definir a porta de acesso do RDP, e o endereço de acesso é 127.0.0.1 ou localhost.

Para desligar a VM:
VBoxManage controlvm “centos54″ poweroff

Para remover o DVD de boot da VM:
VBoxManage storageattach “centos54″ –storagectl “IDE Controller” –port 0 –device 1 –type dvd –medium noneforceunmount

Então é isso… Em breve vou mostrar como duplicar as vms e seus discos.
Dica: Leia a documentação para conhecer todas as funções disponíveis do VBoxManage:
http://www.virtualbox.org/manual/ch08.html


Leia também: